Medir a tensão

Hipertensão e alimentação

Cada vez mais um dos grandes problemas verificados na população mundial é a hipertensão. O aumento da pressão arterial para níveis muito acima da média tem vindo a ser comum nas pessoas. O fator inerente a esta “doença” é a alimentação – o que influencia diretamente os valores da nossa tensão arterial. Prova disso é quando uma pessoa tem tonturas como resultado de uma quebra de tensão, ou tensão alta, ou tensão baixa é lhe imediatamente dado a ingerir água com açúcar, água com sal, ou simplesmente um copo de água para ajudar a estabilizar os níveis da tensão. Fique a saber um pouco mais sobre a hipertensão e os cuidados a ter com a sua alimentação.

Hipertensão
Hipertensão

 

Como saber que é hipertenso? Medir a pressão arterial?

Para saber se é hipertenso ou não, terá de proceder a uma medição da sua pressão arterial. Para medir a pressão arterial poderá dirigir-se a uma farmácia ou medir através do medidor de tensão arterial, que pode ser adquirido numa farmácia, loja de desporto ou num ginásio.

Com o medidor de tensão, após a medição, poderá concluir se é hipertenso ou não.

Medidor de pressão arterial
Medidor de pressão arterial

 

Medir a tensão
Medir a tensão

 

Quais os valores que determinam a hipertensão?

Os valores de pressão arterial num adulto normal são de:

Valor máximo 140 mmHg – milímetros de mercúrio;

Valor mínimo – 90 mmHg

Sendo considerado como um adulto hipertenso, todo o adulto que apresentar níveis de pressão arterial superiores a 140 milímetros de mercúrio.

Hipertensão – O que fazer?

A mudança para estilos de vida mais saudáveis – nomeadamente ao nível da alimentação e exercício físico – é a resposta à questão. Não é só reduzindo a quantidade de sal utilizada para temperar os alimentos que determina um tratamento nutricional adequado.

A redução de peso (em casos de excesso de peso),

uma ingestão maior de frutas (pelo menos três porções por dia), legumes, leite e derivados magros,

redução do consumo de fritos e gorduras,

o aumento da

atividade física ( como por exemplo, caminhar todos os dias durante 30 minutos)

e a redução do consumo de álcool são algumas das medidas a adotar!

Caminhar todos um dias, um pouco
Caminhar todos um dias, um pouco

 

Evite mesmo os fritos e as gorduras! biackk
Evite mesmo os fritos e as gorduras! biackk

Estas pequenas mudanças alimentares traduzem-se num aumento substancial da sua saúde e qualidade de vida. A alimentação de um hipertenso não tem de ser “sem sabor”! Ao temperar os seus alimentos, deve substituir o sal por especiarias e ervas

aromáticas e para lhe dar uma dica, sugiro uma receita da nossa amiga do iReceitas – Caril de Gambas com Coentros e Gengibre ideal para hipertensos, até parace que foi feito a pensar em nós ;)

Sugestão do iReceitas!
Sugestão do iReceitas!